Equilibristas e sementeiras

Este mês, os alunos da escola do Hospital de Santa Maria visitaram a Sandra do Pavilhão do Conhecimento, através de uma TeleAula.

Construímos vários equilibristas… mas, para encontrar o equilíbrio, tivemos de influenciar o centro de massa.


Não é fácil mas é bastante divertido!


Fizemos uma TeleAula com a escola do IPO, onde nos divertimos num jogo para descobrir algumas plantas aromáticas através de dicas e dos próprios aromas.



Também semeámos essas plantas aromáticas…



Agora vamos cuidar delas para que cresçam!

Operação escolar – Fazer bolo de bolacha no Serviço de Cirurgia

Uma das vertentes do apoio escolar prestado no HDE é o apoio escolar individualizado.
No âmbito do apoio prestado ao nosso aluno Diogo a articulação com a sua escola de origem  tem sido especialmente rica nas disciplinas de Ciências Naturais e Ciências Físico-Químicas. Entre outros, recebemos da professora Lurdes Mateus – EB2/3 do Alto do Moinho – o seguinte documento:

Pretendia-se proporcionar ao Diogo a possibilidade de participar na atividade desenvolvida pelos seus colegas na EB2/3 Alto do Moinho.
Sem necessidade de irmos ao bloco operatório, mas com a colaboração dos profissionais da enfermaria onde o Diogo se encontra, foi levada a cabo a “Operação escolar – Fazer bolo de bolacha no Serviço de Cirurgia”.
De seguida se documenta a operação:

O carrinho com o material

A consulta atenta dos procedimentos

Claras devidamente separadas das gemas

Utilização de instrumentos

Precisão de movimentos e doses q.b.

Em qualquer operação, mais ou menos cirúrgica, a estética é importante

Alguns elementos da equipa escolar e da equipa de enfermagem a dar assistência

Um reforço na dose de café

Finalização

No seguimento desta atividade, o Diogo respondeu a uma ficha de trabalho e depois elaborou uma apresentação em powerpoint para mostrar como tinha sido capaz de responder à proposta da sua escola.

O amor anda por Alcoitão

Literalmente, o amor anda por Alcoitão. São as palavras, as cores, os desenhos, as intenções, os cheiros a alfazema a lembrar os namorados.
No jornal de parede, colocámos uma cesta com ramos da nossa alfazema nascida e criada na escola. Quem quiser, pode tirar um ramo e levar para oferecer a si mesmo ou a alguém querido.

A propósito da poesia concreta, dos poemas visuais, de signo linguístico, significado e significante, trabalhámos o poema de Décio Pignatari.

Antes de te conhecer, estava perdido numa floresta sombria.
Quando te conheci, as folhas ficaram mais verdes. As flores nasceram e um sol brilhante apareceu. Ajudaste-me a encontrar um caminho, uma saída deste passado obscuro. A minha floresta transformou-se num jardim onde viverei o resto da minha vida. Assim, um eu transformou-se em nós.

 António Fonseca

A Bruna Pitau fez uma réplica da pintura de Mikel Urmeneta que fala do amor no espaço. O amor é um sentimento universal que gostaríamos que fosse ainda mais universal. 
Após termos estudado o texto poético, a aluna elaborou um poema sobre o sentimento “amor” com base em técnicas que lhe foram fornecidas.

Amar,
É um sentimento que não se vê,
Mas que se sente.
Amar é como um bolo de chocolate,
É doce e especial.

Quando se ama
É como se o mundo fosse mais belo,
Se tornasse mais colorido.

É tão bom quando amamos,
Nunca nos sentimos sós.
Estamos com a pessoa que amamos.
E sentimo-nos especiais.

Fizemos selos subordinados ao tema para enfeitar os nossos trabalhos.

O ABC das frases que quero dizer ao meu amor

Amar-te assim perdidamente!
Bebi dos teus olhos a música do meu amor.
Corro atrás de um grande amor que és tu!
Dás-me todo o carinho que eu preciso.
Enlouqueço de amor por ti!
Fico a imaginar o meu futuro ao teu lado.
Gosto dos teus olhos.
Há uma arma secreta que se chama Amor.
Imagino-me ao teu lado.
Já pensei na vida sem ti, mas não é a mesma coisa.
Lembro-me de ti em todos os momentos.
Mando-te SMS durante todo o dia.
Namoro já faz parte da minha vida.
Omeu coração será sempre teu!
Por ti, vou à procura das estrelas!
Qualquer dia, caso-me contigo.
Rir à gargalhada, só mesmo quando estou perto de ti.
Sem ti a vida não tinha valor!
Tremo de medo de te perder.
Uso o telemóvel para trocar palavras de amor contigo.
Varres-me a alma de bons sentimentos!
Xarope tomo, quando estou doente por não estares comigo.
Zango-me quando não me ligas.

Bruna Pitau 
A malta do Alcoitão oferece um abraço a todos os colegas e professores dos hospitais.
Queremos mostrar ainda o nosso trabalho no projeto eTwinning – “Let’s Animate!”. Em breve, vão surgir mais personagens. Deem um salto ao nosso facebook!

Água e o Robot Pintor!

Museu da Água

No dia 8 de janeiro, a Escola do Serviço de Pediatria do IPOLFG recebeu a visita do Tiago Vieira do Museu da Água.
Explorámos o ciclo da água com a ajuda de um filme e alguns cartazes e refletimos sobre a importância de poupar água e as formas possíveis de a poupar.

Por fim, construímos um puzzle do ciclo da água!
Os nossos alunos estavam muito bem preparados para esta atividade!

Um Robot Pintor !!!!
Com a orientação dos alunos e professoras da escola do Hospital de Santa Maria, conseguimos construir um robot pintor!
Os nossos alunos adoraram esta atividade… apesar de algumas dificuldades técnicas em fazer o suporte para a pilha.

Aqui estávamos a tentar fazer o suporte para pilha… muito difícil!!! Mas conseguimos!!!
E a atividade foi um sucesso!