As nossas andanças

A troca de correspondência com as turmas do Agrupamento de Escolas D. Dinis de Santo Tirso vai de vento em popa. Recebemos cartas interessantes e postais bonitos, muito bem feitos e com imaginação. Os nossos correspondentes enviaram antes das festas de Natal e de Ano Novo, mas só recebemos agora no 2º período, por isso fizemos de conta que era Natal outra vez! Até recebemos ursos como presentes!

O lindo postal dos nossos amigos!
Desenhos de encantar à mistura com ursinhos
Um postal dos rapazes de Santo Tirso e o panda a espreitar
Rúben lê uma carta
Os bonecos fofos e bonitos
Um cartaz dos D.A.M.A. para a Joana 🙂

Estes são os nossos postais elaborados com tinta acrílica e esponjas carimbo que lhes vamos enviar.

No Serviço Educativo criámos uns postais para agradecer às pessoas de quem nós gostamos para celebrar o Dia Internacional do Obrigado. Este postal foi o que oferecemos aos nossos professores da escola do Alcoitão.

Decorreu, na escola, uma atividade de grupo sobre vulcões. Simulámos (fizemos de conta e ainda bem que assim foi!) a erupção efusiva de um vulcão. Apresentamos, em seguida, o protocolo laboratorial da experiência para que a possam fazer, se quiserem.

Atividade Laboratorial – Simulação de um Vulcão em Atividade

Objetivo

Simular uma erupção vulcânica efusiva.   

Material

  • Tabuleiro de plástico
  • Cone vulcânico (antecipadamente construído) 
  • 1 Garrafa de água pequena vazia
  • 2 Colheres de sopa de bicarbonato de sódio
  • 2 Colheres de sopa de detergente de loiça
  • 1 Frasco de corante alimentar vermelho
  • 60 ml de vinagre
  • 1 Gobelé de 200 ml
  • 1 Vareta de vidro
  • 1 Colher de sobremesa

Procedimento

  1. Coloca o “cone vulcânico” no centro do tabuleiro de plástico (com a garrafa de água pequena vazia encaixada no interior da sua “chaminé vulcânica”). 
  2. Dentro da garrafa de água pequena, coloca o bicarbonato de sódio, o detergente de loiça e o corante alimentar vermelho. 
  3. No gobelé, coloca o vinagre. 
  4. Em seguida, deita o vinagre contido no gobelé sobre o conteúdo da garrafa de água pequena. 
  5. Regista os resultados obtidos.

Testemunhos

Gostei muito! Quero repetir amanhã. (Letícia, 5 anos)

Eu gostei muito desta experiência, porque foi fixe! Gostei muito da parte em que o vulcão entrou em erupção efusiva. (Rúben)

Foi a primeira vez que fiz a experiência e gostei muito.Gostei mais da parte em que o vulcão entrou em erupção, porque gostei de ver aquele líquido todo a imitar a lava. Gostava de repetir. (Carolina)

Gostei da experiência, principalmente da entrada em erupção dos vulcões.Foi muito fixe! (Miguel)

Os materiais para a experiência
Visionamento de um filme sobre o tema
Verter a dose certa de corante alimentar vermelho 
Verter o corante no cone vulcânico
Os mais pequenos também fizeram a experiência
Erupção efusiva do vulcão
Início da experiência do balão feita pelo professor Fernando
O dióxido de carbono fez o balão encher 

E porque estamos no inverno, a Mariana escreveu um poema com as letras do alfabeto sobre o tema.
A Carolina pintou o inverno de azul e branco com flocos de neve feitos com colagens.

Alfabeto do inverno

Árvores despidas

Bonecos de neve
Cachecóis quentinhos
Dentro de casa
Encostados à lareira
Frio nas ruas do bairro
Gorros na cabeça
Há neve nas ruas
Inverno tão frio!
Já cai a neve e a chuva
Luvas quentes
Meninos dentro de casa
Nevoeiro cerrado
Orvalho pela manhã
Portas fechadas
Quero uma casa acolhedora
Raposas aos saltos na neve
Sopa quentinha feita pela mãe
Tardes a beber chá
Uma gripe eu apanhei
Vento forte nas janelas
Xailes nas costas das velhinhas
Zango-me com o inverno

Dias reais…

Dia de Reis

Iniciámos o período letivo em festa! 
Fizemos de conta que éramos reis e rainhas e comemorámos com entusiasmo o dia 6 de janeiro. 
Este ano, não cantámos as janeiras… mas demos largas à imaginação através da expressão plástica: marcadores de livros, coroas, mobiles, sopa de letras…
Por fim, como é habitual, tivemos direito a bolo!
Neste dia, também recebemos a visita dos agentes da PSP que trouxeram presentes engraçados!

Os 12 deuses do Olimpo

A mitologia é um dos aspetos mais fascinantes da cultura grega.
No dia 8 de janeiro conhecemos 12 deuses da mitologia grega que habitavam o Olimpo.

Aprendemos que Zeus é o deus principal e o mais forte.
Hera, a mulher de Zeus, é a deusa do matrimónio, do parto e da família. 
Posidon é o irmão mais velho de Zeus e morava no fundo do mar. 
Atena é a deusa da sabedoria e imbatível na guerra.
Ares é o terrível deus da guerra e é filho de Zeus e Hera.
Deméter é a deusa das plantas, da terra cultivada, das colheitas e das estações do ano. 
Apolo é o deus da luz e do sol.
Ártemis é a deusa da vida selvagem e da caça.
Hefesto, também filho de Zeus e Hera, é o arquiteto de todas as obras do Olimpo.
Afrodite é a deusa do amor e da beleza e é a mais bela das deusas.
Hermes é muito fiel a seu pai, Zeus, e é o protetor dos viajantes. 
Dionísio é o deus do vinho. 

Faz de conta… que é Natal!

Perto da interrupção de Natal, construímos com a ajuda da Sandra do Pavilhão do Conhecimento dois instrumentos musicais: uma harmónica e uma flauta. Também percebemos que o som destes instrumentos resulta da vibração do ar!
Não foi fácil tocar mas foi MUITOOOO divertido.

Parte do nosso concerto…

A Sandra e a Constança fizeram-nos uma visita em que nos falaram da importância de preservar o meio ambiente e ensinaram-nos a transformar uma t-shirt num saco original.
Com alguns cortes e nós, decorámo-la ao jeito de cada um e fizemos as nossas ofertas de Natal.



Contar projetos de desenho e pintura

Contamos mais uma vez as aventuras artísticas do nosso inspirado e habilidoso aluno Argentino. Já contamos cinco obras de dedicação e descoberta. Lembramos as primeiras duas obras e apresentamos as três mais recentes.

Galo

O galo do Argentino já mirando o galo do Miró

Símbolos matemáticos

Projetando…
Pintando…
A caminho do resultado final…
Obra acabada

Fernando Pessoa

Fernandos rascunhados,
a partir da inspiração original de Almada Negreiros
Os rascunhos e o resultado final
O Fernando do Argentino

O nosso artista partilha a sua obra, às vezes para longe, mas o que fica por perto temos muito gosto em expor e partilhar convosco virtualmente!

“Telegrama urgente”, “Composição geométrica” e “Fernando Pessoa”,
pela mão de Argentino Cabral